domingo, 28 de outubro de 2012

Resumo da semana


Ataque à Maratona - Semana 18

Outra semana "estranha", com uma má disposição alimentar vinda do nada que me fez estar quase dois dias sem comer grande coisa.
Apesar disso consegui fazer 4 treinos (se é que se podem chamar isso).
O longo de domingo era uma incógnita, sabia que ia ter dificuldade em fazer os 28 Km previstos. De 28 Km passou a 25 Km para acabar "só" com 24 Km, numa fase que achei que não ia tirar mais partido do treino. As pernas pesavam e as lesões podiam estar à espreita. No entanto o ritmo cardíaco esteve muito bem.

Contagem: 4 Treinos 
Distância: 40,00 km
Tempo: 3:55:50 h:m:s
Ganho de elevação: 314 m
Velocidade Média: 10,2 km/h
Ritmo Cardíaco Médio: 148 bpm
Calorias: 3.366 Cal

Boas corridas... 


domingo, 21 de outubro de 2012

Resumo da semana


Ataque à Maratona - Semana 17

Mais uma semana curtinha, pela transição para os longos de 28 Km mas também por uma arreliadora dor de garganta que me fez cancelar dois treinos e ainda fez mossa no mini-longo de domingo.
A próxima semana deverá voltar ao normal com o longo de 28 Km. O dia "D" está cada vez mais próximo, faltam 48 dias. ;)

Contagem: 3 Treinos 
Distância: 36,00 km
Tempo: 3:19:50 h:m:s
Ganho de elevação: 282 m
Velocidade Média: 10,8 km/h
Ritmo Cardíaco Médio: 150 bpm
Calorias: 3.011 Cal

Boas corridas... 


quarta-feira, 17 de outubro de 2012

15ª Meia-Maratona Ribeirinha

O meu companheiro
pré-maratonista, João Lima.
No passado domingo fui até à Moita para a 15ª Meia Maratona Ribeirinha. Mais um treino na caminhada para a Maratona de Lisboa.
Desta vez fui com o Zeca e com o António, este último com muitos Km's de alcatrão e trilhos. Um bom professor e uma óptima companhia. 

Depois de levantar o dorsal e cumprimentar alguns amigos fomos aquecer e preparar-nos para a partida. 

Partimos à hora, no fim do pelotão, mas começámos logo com um ritmo vivo.
A temperatura amena ajudou e a companhia fez o resto.

Os primeiros Km's foram feitos na casa dos 5:20 min/Km mas no primeiro abastecimento já ia-mos colados nos 5:00 min/Km. 
Depois da águinha baixámos dos 5:00 min/Km, andamento que iria-mos manter quase toda a prova.


O percurso era maioritariamente plano o que permitia o andamento vivo. A conversa ia animada e nem dávamos pelos Km's. Rápidamente estávamos nos 10 Km's ainda antes dos 51 minutos de prova e por altura do 2º abastecimento.

Nesta altura comecei as minhas contas. Sabia que não iria aguentar toda a prova neste ritmo e, além disso, sabia que aos 18 Km's viria uma longa subida até aos 20 Km que poderia fazer mossa.
Falámos nos 15 Km's como limite deste andamento. Depois logo se veria como me sentia.

Aos 15 Km's, no 3º e último abastecimento, ainda me sentia bem mas já me custava recolar quando o andamento aumentava nas ultrapassagens a grupos mais lentos. Percebi que estava na hora de acalmar, estava perto do limite.

Aos 17 Km's abrandei, ligeiramente, para pouco acima dos 5:00 min/Km e descolei definitivamente dos meus campanheiros.

Quando apareceu a tal subida aos 18 Km's foi quando senti o esforço. Baixei para 5:40 min/Km nestes 2 Km's algo duros. Valeu um companheiro de ocasião que já vinha comigo à uns minutos e o apoio de algumas pessoas que iam puxando por nós.

Na subida voltei ás minhas contas. Estava com andamento para novo record pessoal mas estava com medo da quebra. Não ia com pretensões a bater o meu tempo da Meia-Maratona da Vasco da Gama duas semanas antes, mas nesta fase estava com tempo para isso e não iria desperdiçar.
Estava tranquilo, teria que quebrar muito para não melhorar o meu tempo, quebra essa que não me parecia que pudesse acontecer. E não aconteceu.

O último Km era sempre a descer até à meta e foi feito a rolar, sem esforço e sempre com o meu companheiro de ocasião. Mesmo assim voltei a estar próximo dos 5 min/Km.

Cortei a meta com 1:48:33h, numa média de 5:08 min/Km para os 21.097m da distância e novo record pessoal, o 2º em 2 semanas.
Ficam boas indicações para o que falta da preparação para a Maratona.


Depois de agradecer a boleia ao meu companheiro fui ao encontro das "gazelas" para voltar para casa com satisfação de mais uma manhã bem passada.

Uma palavra à organização que mostrou que se pode organizar uma boa prova cobrando pouco aos atletas.
Salvo algum imprevisto a Meia-Maratona Ribeirinha estará no meu calendário como uma das provas a não faltar.

Boas corridas...



domingo, 14 de outubro de 2012

Resumo da semana


Ataque à Maratona - Semana 16

Esta semana, por motivos pessoais, foi mais curta, mas nem por isso foi menos produtiva. 
Culminou com a 15ª Meia-Maratona Ribeirinha da Moita com mais um record pessoal na distância, o 2ª em duas semanas. E com um pouco mais de experiência podia ter sido ainda melhor.
Desenvolvimentos em breve...

Contagem: 2 Treinos + 1 Prova
Distância: 42,60 km
Tempo: 3:42:14 h:m:s
Ganho de elevação: 315 m
Velocidade Média: 11,5 km/h
Ritmo Cardíaco Médio: 156 bpm
Calorias: 3.790 Cal

Boas corridas... 

Com o meu parceiro e amigo João Lima,
também ele pré-maratonista.



quinta-feira, 11 de outubro de 2012

4ª Corrida do Aeroporto

 Com algum atraso deixo o relato da 4ª Corrida do Aeroporto.

Tinha prometido ao Bruno a minha presença nesta edição duma prova que não conhecia mas que me atraiu desde o inicio, é que sou um fanático por aviões.

Cheguei cedo, como é hábito, e aproveitei para ver os aviões, numa manhã que acordou com nevoeiro mas que o sol forçava a passagem.
Levantei o dorsal e aguardei pelo Bruno e pelo Fernando.

Depois da foto da praxe fomos aquecer, e pouco depois da hora marcada partimos.

O sol já era uma constante e a temperatura subia. Apesar disso partimos num ritmo vivo.

Após uma voltas pela Alta de Lisboa chegámos à Pista Municipal Prof. Moniz Pereira para uma "quase" volta à mesma e para umas fotos para a posteridade (sim, papai presente). Sabe sempre bem pisar o tartan.

À saída demos uma volta pelo Parque do Vale Grande, um local bastante agradável, com umas subidas boas para acelerar o batimento cardíaco e que antecedia o abastecimento.

Após a obrigatória hidratação entrámos na Quinta das Conchas para aquela que seria a zona mais difícil do percurso, com umas subidas bem agressivas que fizeram as anteriores parecerem descidas. Foram cerca de 2 Km num sobe-e-desce que muita mossa fez nos mais incautos.

Terminada a "saga das Conchas" faltava apenas 1 Km para completar os 9 Km da prova, com uma parte final maioritariamente a descer.

Terminámos com 49:02m numa média de 5:27 min/Km, média esta "estragada" pelos 7º e 8º Km.


Foi mais uma óptima manhã numa corrida bem organizada.

Boas corridas...

domingo, 7 de outubro de 2012

Resumo da semana


Ataque à Maratona - Semana 15

Mais uma semana "longa", com o primeiro treino de 24 Km. Fez-se muito bem, num bom ritmo e com uma paisagem diferente e bastante agradável.
Depois ainda se fez a Corrida do Aeroporto.

E já só faltam 62 dias...

Contagem: 4 Treinos + 1 Prova
Distância: 58 km
Tempo: 5:34:52 h:m:s
Ganho de elevação: 580 m
Velocidade Média: 10,4 km/h
Ritmo Cardíaco Médio: 142 bpm
Calorias: 4.779Cal

Boas corridas... 




quinta-feira, 4 de outubro de 2012

RTP Rock‘n’Roll Meia-Maratona Vodafone

Algo atrasado mas cá vai.

Foi a primeira participação nesta prova que foi também a minha 3ª meia-maratona, todas feitas este ano e a 2ª no mesmo mês.

O trio antes da partida
Ia com receio da questão logística da coisa, mas não houve problema, estacionei relativamente bem, fiquei na 1ª fila para os autocarros, apanhei o 3º porque não quis ir em pé no 2º e devo ter esperado no tabuleiro cerca de 30 minutos pela partida. Not bad...

Começámos um trio que cedo virou duo. O Zeca foi à prova dele logo no 2º Km e eu fui com o Gonçalo naquela que era a sua 1ª meia. Apesar de andar bem o Gonçalo nunca tinha corrido mais que 16 Km. A oportunidade surgiu através de uma desistência e ele não se vez rogado e avançou.

Começámos bem, os 1ºs Km's foram mais rápidos que na outra ponte e rapidamente estávamos a baixar os 5 min/Km. Era bom, até demais, mas será que conseguiria(mos) aguentar? Para todos os efeitos íamos num ritmo próximo do meu ritmo aos 10 Km. Logo se vê...
Aos 3 Km's um susto, uma ligeira dor de burro nada habitual veio dar um ar da sua graça. Felizmente foi só isso.

Os abastecimentos eram frequentes o que ajudava a minimizar o efeito do calor que era mais do que o esperado. Água, isotónico fresco, gel e bananas era o que se podia encontrar.

Depois de se sair do Parque Expo a prova tornou-se algo monótona, pouca gente a assistir e paisagem sem grandes motivos de interesse, pelo menos para mim que conheço aquela zona como a palma das minhas mãos (momento filosófico, lol).
O que ia distraindo eram as várias bandas Rock que tocavam ao longo do percurso e também a claque e o fotografo pessoal. O pai nas fotos e a mãe, irmã e filho a puxar pelo atleta, 2 vezes. E que bem que soube.

Na viragem veio uma ligeira quebra, abrandei para o abastecimento e não sei se por causa disso, ou por causa do ligeiro vento de frente, ou por causa da falta de pernas, ou por causa de tudo isso, o que é facto é que baixámos para perto dos 5:25 min/Km.

O Gonçalo estava bem e com "sede" de mais. Disse-lhe para seguir. Num misto de receio da distância e solidariedade manteve-se comigo. E ainda bem que o fez, foi-me muito útil.

Aos 18 Km percebi que iria melhorar o meu melhor tempo mas também percebi que, ao ritmo que levávamos, iria ficar pouco acima da 1h50m. "Vamos morrer na praia!" disse ao Gonçalo, é que 1h50m01s não é o mesmo que 1h49m59s.
Disse ao Gonçalo para arrancar, para me puxar, rebocar, qualquer coisa para aumentarmos o ritmo.

Fizemos os últimos 2 Km perto dos 4:40 min/Km. Acabámos fortes e alegres e o Gonçalo ainda dava mais. Foi uma grande ajuda.
Terminámos com 1h49m26s para um ritmo médio de 5:10 min/Km.

Foi um óptimo tempo tendo em conta a semana puxada que tive, com dois treinos rápidos, um treino de intervalados e um com 12 Km, para terminar a semana com um total de 60 Km. Nada mau mesmo...


video


Para terminar, um cumprimento especial ao meu "rebocador" que terminou a sua primeira meia-maratona em grande e a pedir mais, um grande beijinho à "Menina" e à Isa que também terminaram as suas primeiras meias-maratonas, um cumprimento especial ao meu colega de preparação para a Maratona, João Lima, e ao seu companheiro Jorge Branco que apadrinharam as meninas estreantes e com quem ainda troquei umas palavras antes da prova, e à minha "Gorda" que voltou ás provas depois da lesão e do Verão.

Nós antes da partida
Foi uma grande manhã, bem passada e num grande ambiente, mas a preparação continua porque Dezembro vem próximo!!! ;)

Boas corridas...









Especialmente para a Menina!

Para uma blogger/amiga, porque ela merece!



Parabéns Menina!


quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Resumo - Setembro

De volta ás provas, e logo com duas meias-maratonas. Pelo meio uma agradável surpresa, o Lisboa Urban Night Trail, e os longos estão cada vez mais longos. 
A maratona está próxima...

Contagem: 18 treinos 
Distância: 208,82 km
Tempo: 19:55:23 h:m:s
Ganho de elevação: 2.338m
Velocidade Média: 10,5 km/h
Ritmo Cardíaco Médio: 147 bpm
Calorias: 17.638 Cal

Boas corridas...


segunda-feira, 1 de outubro de 2012

A história da Sra. Analice Silva

Aconselho a leitura desta história fantástica sobre uma grande senhora, figura ímpar do nosso pelotão (clicar aqui).

Foto: http://ultkm.blogspot.pt

Boas corridas...